NOTÍCIAS

Você está em: Inícial

Notícias

Remédio em teste detém progressão do Parkinson em ratos

Um remédio desenvolvido de forma experimental por pesquisadores da Universidade Johns Hopkins conseguiu desacelerar a progressão e os sintomas do mal de Parkinson, segundo informou nesta segunda-feira esse centro universitário.

 

Os cinentistas, que em experiências com cultivos celulares do cérebro humano e um modelo pré-clínico da doença de Parkinson em ratos descobriram que o chamado NLY01 detém "a degeneração neuronal", pretendem usar ainda este a noa o medicamento em testes clínicos.

 

"O fármaco protege de uma forma realmente assombrosa as células-alvo do sistema nervoso", explicou Ted Dawson, diretor do Instituto de Engenharia Celular e professor de Neurologia da Faculdade de Medicina da U... Continue lendo